top of page
  • Foto do escritorGSS

Agricultura no mercado de carbono: conheça as "Soluções baseadas na Natureza".

Atualizado: 12 de mai. de 2023

Entenda o que são Soluções Baseadas na Natureza e qual sua relação com a agricultura e o mercado de carbono.

Floresta em área de reserva legal.

Soluções baseadas na Natureza (SbN), também conhecidas como "Nature-Based Solutions" (NBS), referem-se a práticas que buscam preservar, restaurar e gerenciar ecossistemas naturais para fornecer serviços essenciais para a sociedade, como a regulação do clima, o fornecimento de água, a polinização e a proteção da biodiversidade. Essas soluções têm sido cada vez mais discutidas como uma forma eficaz de mitigar as emissões de gases de efeito estufa e enfrentar os desafios da mudança climática.


Essas soluções são baseadas em processos naturais e podem ser implementadas em diferentes escalas, desde projetos locais até programas nacionais. Estes projetos, misturados com técnicas sustentáveis na agricultura podem ser a principal entrada do setor agro no mercado de carbono.



Mudanças Climáticas e Mercado de Carbono


Além disso, as SbN também podem contribuir para a adaptação das comunidades às mudanças climáticas, aumentando a resiliência dos ecossistemas e garantindo a disponibilidade de serviços ecossistêmicos, tais como a água limpa e a proteção contra desastres naturais.


As SbN têm um papel fundamental no mercado de carbono, pois são capazes de mitigar as emissões de gases de efeito estufa (GEE) através da captura e armazenamento de carbono na biomassa e no solo. Além disso, as SbN podem reduzir a pressão sobre as florestas e outros ecossistemas vulneráveis, aumentar a resiliência das comunidades e proteger a biodiversidade.


Para esse mercado, as SbN são reconhecidas como projetos de mitigação de emissões e podem gerar créditos de carbono que podem ser negociados e vendidos após implementação de complexas metodologias técnicas.


Esses créditos de carbono são uma forma de incentivar a implementação de projetos de SbN e financiar ações de conservação e restauração ambiental.

Em resumo, as soluções baseadas na natureza são abordagens que utilizam a natureza para enfrentar desafios ambientais e sociais, incluindo a mudança climática. Essas soluções têm um papel fundamental no mercado de carbono, pois são capazes de mitigar as emissões de GEE e gerar créditos de carbono. Além disso, as SbN podem contribuir para a adaptação das comunidades às mudanças climáticas e aumentar a resiliência dos ecossistemas.



Soluções baseadas na Natureza e o Setor Agro


Fazenda de soja.

Agricultura e emissões de gases de efeito estufa (GEE) estão intimamente ligadas. A produção de alimentos, fibras e biocombustíveis é responsável por cerca de um quarto das emissões globais de GEE. Mas o setor agrícola também pode ser parte da solução para o problema das mudanças climáticas, através da adoção de práticas agrícolas sustentáveis e da implementação de soluções baseadas na natureza.


As soluções baseadas na natureza são medidas de adaptação e mitigação que visam utilizar a natureza e seus processos para resolver problemas ambientais. No contexto da agricultura, as soluções baseadas na natureza podem incluir a restauração de ecossistemas naturais, a adoção de práticas agrícolas sustentáveis e a utilização de sistemas agroflorestais.

Uma das soluções baseadas na natureza mais eficazes para a mitigação de GEE na agricultura é a agricultura de conservação. Esse sistema agrícola sustentável envolve a redução do revolvimento do solo, a manutenção da cobertura vegetal do solo e a rotação de culturas. Essas práticas aumentam a capacidade do solo de armazenar carbono, além de reduzirem a emissão de GEE decorrente do uso de fertilizantes químicos.


Outra solução baseada na natureza para a agricultura é a utilização de sistemas agroflorestais. Esses sistemas combinam culturas agrícolas com árvores, resultando em maior produtividade e diversidade de culturas, além de fornecerem serviços ecossistêmicos importantes, como a proteção do solo, o controle de pragas e doenças e a conservação da biodiversidade.


A restauração de ecossistemas naturais também pode ser uma solução eficaz para a mitigação de GEE na agricultura. A restauração de áreas degradadas ou a criação de corredores ecológicos pode ajudar a recuperar a biodiversidade e aumentar a capacidade de sequestro de carbono dos ecossistemas.


Além disso, a agricultura de baixo carbono também pode ser alcançada através da utilização de práticas como a integração lavoura-pecuária-floresta (ILPF) e o plantio direto na palha. Essas práticas contribuem para a redução da emissão de GEE e para a adaptação às mudanças climáticas, além de aumentar a produtividade e a resiliência dos sistemas agrícolas.


A restauração de áreas degradadas ou a criação de corredores ecológicos pode ajudar a recuperar a biodiversidade e aumentar a capacidade de sequestro de carbono dos ecossistemas.

É importante ressaltar que as soluções baseadas na natureza não devem ser vistas como uma solução única para o problema das mudanças climáticas. Ainda é necessário investir em outras tecnologias e políticas públicas para alcançar uma redução significativa das emissões de GEE. No entanto, a adoção de práticas agrícolas sustentáveis e a implementação de soluções baseadas na natureza na agricultura pode ser uma peça importante no quebra-cabeça da mitigação das mudanças climáticas.



Conheça o Arbaro Carbon


O Arbaro Carbon é um projeto que busca desenvolver alternativas onde, através de Soluções baseadas na Natureza e seus projetos socioambientais, áreas de reserva de fazendas se tornem geradora de recursos financeiros, e não um passivo para os produtores.


O projeto é uma realização da GSS Carbono e Bionovação – consultoria de gestão climática e uso sustentável da biodiversidade para empresas globais –, Treevia – startup desenvolvedora de soluções de tecnologias para otimização florestal – e apoio do Land Innovation Fund, fundo de financiamento a sustentabilidade da cadeia da soja.


Comments


bottom of page